O Poder do Amor na Saúde

Slide1

Caros amigos e amigas,

Dia 28 de Janeiro o Venerável Mestre Tulku Lobsang irá estar em Gaia a orientar um workshop, um seminário e uma palestra. Para quem quiser frequentar todos os eventos existe um preço especial para o dia. Contactem-me para saber mais informações sobre os eventos.

Como já devem saber o venerável Tulku Lobsang é um precioso mestre tibetano budista e um reputado médico de Medicina Tibetana. Desde o ano 2000 que tem viajado por vários países do ocidente dando ensinamentos do Budismo e Medicina Tibetana. A forma simples e humorada como transmite os ensinamentos, a sua bondade e compaixão natural e a sua sabedoria budista fazem-no um precioso e valioso transmissor da cultura e tradições budistas tibetanas. Por isso é um privilégio termos acesso a um mestre tão precioso que transmite ensinamentos tão valiosos.

O tema do workshop – dia 28 em Gaia – será: Meditação como Terapia da Dor. Sendo workshop, Rinpoche não só irá dar teoria, mas também ensinará práticas do budismo tibetano que visam a saúde física e a felicidade mental – uma vez que na Medicina Tibetana corpo e mente existem em relação de interdependência.

Relativamente a este assunto Tulku Lobsang explica de forma bastante clara de que forma poderemos lidar com a doença ou a dor:

Como lidar com a dor ou doença?
A dor ou a doença tem três momentos principais: antes, durante e depois.
A forma de lidar com a dor ou a doença em cada um desses três momentos é a seguinte:
Antes (não convidar a doença através do medo ou da expectativa): não ter medo de adoecer / da doença ou criar grande expectativa em não ficar doente – viver no momento presente (mindfulness);
Durante (aceitação / equanimidade: oposto de apego ou rejeição). Às vezes não conseguimos parar de pensar sobre as nossas doenças ou problemas; fechamo-nos em nós próprios, paramos de rir e de aproveitar a vida – matamo-nos com a nossa própria mente “agora estou acabado, terminou tudo …”
Após (libertar / não segurar). Outras vezes, continuamos a perseguir os problemas: continuamos a falar e a pensar sobre as doenças.
Assim, quando a doença ou dor já está instalada, a aceitação é o primeiro passo para lidar com a dor ou a doença. Através desta aceitação e do estado de equanimidade da mente, somos capazes de dirigir a nossa energia de cura de forma correcta.
Há várias meditações que podem ser usadas como métodos de cura.

O objectivo da meditação é em primeira instância permitir que a mente esteja no momento presente. Estar no agora diminui drasticamente o problema que já temos, porque não acrescenta as emoções ligadas ao medo e à expectativa. No momento presente apercebemo-nos que o problema – que continua problema – já não é tão grande como aparentava ser. São as emoções que deturpam a visão que temos do problema. A mente não está clara, logo a nossa visão não é a correcta. A atenção plena da mente permite que a dor diminua ou mesma desapareça e esse estado de equanimidade da mente, quando desenvolvido com um devido treino permite não convidar outros problemas – não se adicionam outros problemas ao que já existe! -, não rejeitar o problema – a aceitação também evita criar problemas desnecessários! -, não segurar o problema – permitirmo-nos libertar do problema!

Dentro da Medicina Tibetana e do Budismo Tantrayana existem muitas técnicas de meditação para terapia da dor e da doença. A Medicina e o Budismo são inseparáveis. Estas práticas são prescritas como uma receita médica: uma dose diária – de várias pequenas sessões ao dia – normalmente durante 21 dias já produz efeitos garantidos. E consoante a doença seja nova ou velha os resultados podem ser imediatos ou não.

Estas técnicas de meditação recorrem ao poder do pensamento ou ao poder da imaginação ou mesmo ao poder do amor.

Este workshop em Gaia visa ser uma introdução ao futuro curso d’ O Poder do Amor na Saúde para profissionais na área da saúde e saúde ocupacional; cuidadores informais / formais de doentes dependentes, etc, de forma a estarem preparados para aplicar esta filosofia e práticas como auto-gestão de stress e emocional e também na prestação de cuidados (paliativos, doenças crónicas, promoção da saúde mental e física, controlo da intensidade de dor, controlo de estados de stress, ansiedade e depressão, procedimentos pré e pós cirúrgicos, reabilitação física).

Este curso vai contar com a colaboração de várias pessoas ligadas à Saúde e Investigação, como também de alunos de confiança de Tulku Lobsang. Estes alunos irão ensinar segundo as instruções dadas por Tulku Lobsang. É um curso que nasce do desejo de Rinpoche de expandir as suas práticas aos profissionais de saúde e desta forma poder beneficiar ainda mais pessoas.

O facto do curso se chamar O Poder do Amor deve-se ao facto de que com estas práticas pretende-se não só a atenção plena da mente – mindfulness – que nos EUA já é usada nos hospitais e centros de saúde, mas ir mais além recorrendo ao poder da mente (pensamento e imaginação) e ao poder da energia do amor. Os resultados são desta forma muito mais rápidos.

Segundo as palavras sábias de Tulku Lobsang:  “Na sabedoria do Budismo Tantrayana, o  amor é a energia da vida. O amor é a luz da vida. O amor é o coração da vida. O amor transforma e cura.

É o amor que nos faz saudáveis. É o amor que traz felicidade. É o amor que nos dá poder. O amor é a melhor medicina!”.

Sendo o amor o melhor medicamento é fundamental fazer chegar aos doentes – através das mãos de profissionais qualificados – estas técnicas tão benéficas. Cabe aos profissionais aprenderem o fundamento filosófico que estão por detrás destes métodos e as técnicas que lhes estão associadas. Relativamente ao método é importante aprender – de quem está autorizado e qualificado para tal – as técnicas correctas, como ensiná-las, em que situações podem ser aplicadas, etc.

Concluindo, todos os que estão interessados em saber mais sobre técnicas de meditação na saúde – sendo profissional ou não nesta área – deverão procurar estar presente neste workshop. É de facto um workshop imperdível!

Terá lugar na ESTSP em Gaia, das 9:30 ao 12:30 no dia 28 Janeiro, 2a feira. As inscrições poderão ser realizadas através do site oficial http://www.tulkulamalobsang.org/index.php?page=tourplan&id=218&lang=pt ou através do email: ana@tulkulobsang-organizer.org.

Divulguem bastante esta iniciativa!

 

BodhiSoha!

Com dedicação e entusiasmo,

Ana Taboada

Ana's Logo with Circle V2b

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s